sábado, 14 de outubro de 2023

PERGUNTAS DE 50 A 100

 


SALVE A NATUREZA DIVINA!!

Perdemos tanto tempo com coisas que não levam a nada. 

Por que não usar um pouquinho de tempo com algo que leva ao Tudo? 

CULTURA RACIONAL É PARA TODOS, SEM DISCRIMINAÇÃO ALGUMA. 

Você pode até achar que ler 50 ou 100 perguntas é muita coisa, mas nós lemos todos os dias e lemos diversos livros. 

E a cada leitura nós crescemos e melhoramos muito mais.

Nosso conhecimento vai longe!!

Nosso desenvolvimento também!!

Ler 100 perguntas é rapidinho e ao final, você vai sentir uma melhora *Incrível* em você mesmo.

Não se deixer vencer pela preguiça. 

Ela é inimiga do seu crescimento.

Os esclarecimentos que aqui estão, vão lhe proporcionar inúmeros benefícios!!



50- O que fazer quando se está desanimado para ler?
Se auto esclarecer da importância da Cultura Racional na sua vida. Procurar participar de atividades Racionais e estar envolvido com coisas Racionais. Mas se tiver dia em que as atrapalhações magnéticas forem muito forte, então pega no livro e vai folheando. Porque tem quem está vendo tudo e vendo o esforço e capricho de todos.

E um caprichoso e um esforçado é sempre uma figura de valor e destaque Racional.

51- O que é um estudante estar bem alinhado com a fase Racional ou o que é estar na linha Racional?
Um estudante está bem alinhado Racionalmente quando está sendo persistente na leitura, quando está divulgando ou colaborando com o próximo para que ele também se alinhe Racionalmente ou tenha acesso ao Conhecimento de alinhamento Racional.

52- Qual a diferença de quem desenvolve o raciocínio para os que não desenvolvem?
Os que desenvolvem o raciocínio seguem adiante no processo seletivo natural, e os que não desenvolvem não participam da seleção natural nesta nova fase da vida e são descartados por meio das classes inferiores.

53- A moral no Mundo Racional é como aqui?
O Mundo Racional não tem nada a ver com a organização elétrica e magnética da matéria. O Mundo Racional é de constituição e organização totalmente diferente daqui, por a matéria ser uma deformação e o Mundo Racional de formação pura, limpa e perfeita.

Nem razão tem no Mundo Racional. Então, razão, moral e outras conceituações de certo ou errado existentes aqui na matéria, aqui na deformação não tem sentido em se aplicar ao Mundo Racional. Porque o Mundo Racional é feito de coisas que não tem aqui, logo sem referencias para que seja sentido ou entendido pelo deformado.

54- O que é um aparelho Racional primário?
É o animal Racional que pega no livro e segue adiante na persistência da leitura. Daí, atinge a classe de aparelho Racional propriamente dita, se ligando na energia Racional e é consagrado Racionalmente, ficando rodeados pelos habitantes do Mundo Racional. A partir daí vai evoluir Racionalmente, vai levitar, transitar pelo espaço ou para onde raciocinar e outras coisas Racionais mais; daí chega ao grau de supremacia Racional e em terminando seu tempo de duração na matéria, que foi prolongado pela Imunização Racional, a pessoa vai se transformar para a classe de Racional puro, limpo e perfeito no seu verdadeiro natural, conscientemente. 

55- Quantos alfabetos astrológicos existiram?
Basicamente, dois. Um feito pelo Astral Superior e o outro, que foi copiado pela natureza.

Mas só o primeiro levava os seres humanos para a planície Racional. Já o instituído pela natureza, os benefícios eram dados pela natureza, benefícios aqui na deformação.

Então tem hora que o Pai está falando de um e tem hora que ele está falando de outro. E às vezes ele fala de um para dar uma idéia do outro.

56- Quais são os pontos mais importantes que temos que saber na Cultura Racional?
De onde viemos e para onde vamos, como viemos e como vamos. Só isso é o suficiente para fazer a pessoa sentir a importância de persistir na leitura diária e a importância da Cultura Racional estar em todos os lares do mundo.

57- Por que se observa animosidade entre alguns estudantes da mesma Cultura Racional?
Devido o período em que estamos vivendo, em que a regência ainda é elétrica e magnética sobre as coisas Racionais e a exuzada ainda está aí, pintando e bordando no meio Racional.

Então tem os que se ligam no estudo diário e seqüencial e no que podem fazer para seu semelhante também estar na mesma condição que ele está, e tem os que estão no meio só com seus interesses magnéticos, sempre maquinando uma forma de tirar proveito material ou magnético, e tem os cavalos da exuzada que fazem de tudo para atrapalhar o crescente número de pessoas com os livros nas mãos e estudando seqüencialmente e persistentemente. Esses são os tais que ainda encontram espaços para publicarem e divulgarem suas mentiras, suas calúnias, suas críticas destrutivas e suas podridões.

E para fazer prevalecer seus interesses saem atacando os estudantes mais adiantados, os que são exemplos de dedicação e capricho Racional.... aí está a animosidade.

Mas sempre que achamos que devemos por um freio nesses burros de carga magnética, a gente dá uma dura neles. Porque essas parasitas, essas lombrigas precisam ser combatidas para não contaminarem demais o meio, não espalharem demais suas sujeiras e suas porqueiras.

Mas vai chegar a hora de até mesmo esses deficientes mentais serem ajustados na linha Racional.

58- Quando as coisas Racionais começarem a ciência filosófica e científica vai perder seu valor?
Tudo vai se ajustar Racionalmente e tudo se colocado em seu devido lugar. As coisas necessárias vão sendo mantidas e as coisas não necessárias vão se extinguindo sem combate e sem esforço algum. Não há que se preocupar com nada, pois todo o processo será regido pela energia Racional de forma objetiva e incisiva em benefício de toda a humanidade. E todos vão experimentar o verdadeiro bem, nunca antes conhecido. 

59- Na Cultura Racional tem dois “passar a se conhecer”?

O Racional Superior utiliza muitas palavras dando a elas dois ou três ou mais significados. No caso do “passar a se conhecer” ele fala do passar a se conhecer referindo-se aqueles que estão tomando conhecimento da Cultura Racional e também usa o “passar a se conhecer” para se referir aos que já estão ligados e funcionando com a energia Racional. E às vezes ele mistura as duas coisas. Então para ter-se um claro entendimento da Cultura Racional tem que observar isso aí, tem que separar as coisas, tem que prestar bem a atenção.

Às vezes ele está falando do magnético que forma a natureza e a gente acha que ele está falando dos exus, às vezes ele está falando dos exus e a gente acha que ele está falando da natureza. E às vezes ele está falando de um e no parágrafo seguinte está falando do outro, aí se a gente não estiver prestando a atenção na leitura, a gente vai misturar tudo.


60- Na filosofia religiosa fala-se que nós animais Racionais somos a imagem e semelhança com Deus. Que imagem e semelhança são essas?

Não é bem assim, Deus não tem a imagem de bicho, mas isso é porque os antigos criadores dessas filosofias acreditavam que deus era um homem que tinha lá toda a compleição de bicho Racional com braços, cabeça, pernas e tudo o mais. Mas verdadeiramente Deus é de uma formação que não há nada na deformação que se possa comparar.

Já a semelhança podemos considerar a existência do habitante do Mundo Racional que está materializado em forma de máquina em todo animal Racional como sendo uma semelhança com o Racional Superior, porque esse habitante foi feito por ele com a mesma constituição pura, limpa e perfeita.

E também a nossa essência, que todos temos a essência Racional, que é a nossa identificação com a Origem, que é a nossa parte Racional mesmo dentro da deformação.


61- O que é a colaboração com o Mundo Racional?

Não existe tal coisa, no sentido de que o Mundo Racional precise de colaboração de quem quer que seja. Mas o Pai fala assim para a gente melhor entender e se tocar de nossa obrigação. Daí então, se fala em colaboração Racional para se entender que é uma colaboração relacionada com a fase Racional, mas a colaboração Racional em si é, na verdade, colaboração com o próximo e conosco mesmos, e não com o Mundo Racional.


62- Os direitos humanos são possíveis com o pensamento?

Não, de jeito nenhum, pois os direitos humanos são diretrizes Racionais e como tais só podem ser efetivadas com o raciocínio em função, com a Racionalização dos povos. Contudo, serve de grande valia para ressaltar os valores de um civilizado, que todo civilizado deveria pautar por essas diretrizes.

Mas devido os civilizados utilizarem o pensamento e a imaginação, não têm competência de efetivarem na integra esse termos declaratórios universais, ficando então, como metas a serem atingidas, e no esforço de se atingir essas metas, progressos são observados no meio dos civilizados. Sendo isso um passo rumo à Racionalização dos povos. E no auge da Racionalização dos povos não haverá mais direitos e nem deveres humanos, porque tudo será Racional. 

63- Quando as coisas Racionais começarem a acontecer vai faltar livros?

Certamente, inicialmente vão faltar livros e o povo vai ter que ir se virando com a internet, imprimindo os Livros em suas residências para ir acompanhando o progresso da Fase.

E muitos pioneiros vão se lamentar muito por terem perdido a oportunidade de não terem adquirido todos os livros antes.

Hoje todos que passaram a se conhecer não dão ouvidos ao magnético e aproveitam a oportunidade em adquirir os mil livros para si e para todos os seus familiares.

E com a facilidade que todos vamos ter em ler assiduamente, os livros não vão ficar parados na estante pegando poeira.

Então, é aproveitar, porque vai levar um tempinho até os governos começarem a facilitar a vida de todos Racionalmente.


64- Se sempre foram as entidades do astral térreo que incorporavam nas pessoas mesmo na fase do espiritismo, por que o Pai fala que hoje é magnetismo e antes não era?

Para diferenciar, porque antes era muito diferente de hoje. Antes as entidades eram orientadas pelas entidades do astral inferior, tinham uma linha de trabalho sempre voltada para o bem, não tinha esses despachos e cobranças de nada.

Então era muito diferente de hoje em que tudo tem que ter negociação, tem que ter os agrados para a bicharada fora da linha. E os ridículos exploradores das dificuldades das pessoas estão sempre cobrando e extorquindo dinheiros das pessoas de baixo discernimento.

E as entidades que participavam do espiritismo, que era o magnetismo orientado, já se retiraram do cenário das incorporações há muito, só ficando hoje os fora da linha dando vazão aos seus abusos e mistificações.


65- Alguns estudantes ainda fumam cigarrinho de palha ou cachimbo. O que isso tem a ver com a Cultura Racional?

Nada. Ou melhor, a Cultura Racional aponta para outra direção. A Cultura Racional está sempre orientando as pessoas a cuidarem de sua saúde, porque muitos, não tão jovens, vão precisar de uns aninhos para completar sua Imunização Racional, está aí o valor do prolongamento dos anos de vida causado pelo cuidado com a saúde.

Então esses dependentes químicos que procurem se alinhar, que lutem contra essa e outras porcarias que corroem seus os anos de vida.


66- Por que as coisas não são como esperamos? Por que as coisas às vezes são tão difíceis? Por que tantas atrapalhações e tanta demora nas coisas Racionais?

Porque os poderes que governam e direcionam o rumo de nossa história não agem conforme nossos pensamentos, não se baseiam em nossos gostos e sentimentos. Os critérios da natureza não são nossos critérios; os critérios do Mundo Racional não são os nossos critérios de julgamentos e realização das coisas. Eles têm sua forma própria de ação.

Tais como os filhos ainda em idade tenra não entendem bem os ditames dos pais, mas procuram seguir porque obedecem, são obedientes; nós também similarmente em certas coisas nada podemos fazer alem de confiar e seguir em frente, procurando fazer nosso melhor e exercitando a paciência e a obediência.


67-  O que são os acompanhantes que é falado no meio Racional?

São os habitantes do astral térreo que são gerados no eixo magnético da terra e vem para o chão, aí vão uns tantos conviver com as pessoas, acompanhar as pessoas em sua jornada terrena. Essas entidades são responsáveis pela maioria das transmissões que a gente recebe na máquina da imaginação e na máquina do pensamento. A sua missão é a lapidação. E como são feitos da energia magnética, tem seu jeito de ser baseado no mal, uns piores do que os outros.

Este termo “acompanhante” foi apresentado de forma incisiva ao meio Racional nos explicando em detalhes o tanto que somos influenciados por esses bichos e como essa questão está na Cultura Racional.


68- Quais foram as formas projetadas pelo Racional Superior para a humanidade voltar ao seu estado natural?

Foram três formas: A forma do alfabeto astrológico, a forma do desenvolvimento do raciocínio pela Cultura Racional e a forma das classes inferiores na 22ª eternidade.

Uns poucos voltaram seguindo a linha astrológica, outra quantidade maior está voltando seguindo a linha Racional e a enorme maioria voltará na 22ª eternidade pelas transformações nas classes inferiores.


69-  Os habitantes do astral inferior são do bem ou do mal?

Primeiro temos que entender que no espiritismo o significado de “astral inferior” são as entidades das trevas e que “astral superior” se refere às entidades de luz, entidades na prática do bem aos seres humanos.

Mas na Cultura Racional essas entidades também são explicadas de outra forma, muito diferente da forma explicada no espiritismo.

Basicamente a Cultura Racional explica os habitantes do astral inferior como sendo entidades que hoje são corpos de energia elétrica e que antes eram habitantes do Mundo Racional que se deformaram em sua descida e se transformaram no que são hoje, seres de energia elétrica.

E entidades do astral superior são aqueles primeiros habitantes do Mundo Racional que resolveram não continuar descendo, não continuar sua jornada se distanciando do Mundo Racional acompanhando a descida da planície Racional.

Então para entender bem, tem que fazer essa analise para não ficar confuso; tem que procurar ver o sentido que o Racional Superior dá quando está falando dessas entidades. 

70- Se a recomendação primeira do Racional Superior é a assiduidade na leitura, é a persistência na leitura; como tem pessoas que estão com o livro na mão há muitos anos e, ainda assim, são contra ou criticam pejorativamente os que são dedicados em horas de estudo Racional?

Porque na deformação tem de tudo, logo, tem aqueles que estão com o livro na mão, mas são deficientes mentais, por isso criticam e são contra as orientações do próprio Racional Superior.


71- Todas as luzes ou ovnis que aparecem no firmamento são habitantes do Mundo Racional?

Não, podem ser também do astral térreo, porque tem seres do astral térreo que estão sempre se metendo indevidamente nas coisas Racionais.

E na fase Racional, que é a fase dos habitantes do Mundo Racional, estes tomam forma de discos voadores para chamar a atenção da humanidade para a existência de outro mundo.

Mas os habitantes do astral térreo, abusadamente, vão forjando suas ludibriações e fazendo uma contra propaganda sobre seres extraterrenos com suas violências às pessoas.

Isso sem falar naqueles magnéticos que estão sempre transmitindo na cabeça dos cineastas que seres extraterrestres são seres malignos, que estão sempre contra a humanidade, sempre com o objetivo de exterminar a humanidade.

Então tem que chegar o momento finito para as coisas Racionais acontecerem e colocar tudo em pratos limpos e cada coisa em seu lugar, finalizando esses abusos e abusados.


72- Por que muitos leitores da época do Pai seguiram por linhas diferentes, adicionando um monte de misticismos e mistificações à Cultura Racional, valorizando mais os rituais por eles adicionados do que a leitura assídua e seqüencial?

Porque é uma deformação, e na deformação cada um tem um grau e tipo de deformação própria; e essa deformação sempre comandada pela inconsciência da falta de estudo e da falta de esclarecimentos corretos das coisas, aí ficando fácil de serem comandados pelos invisíveis do astral térreo com suas manhas e artimanhas desviando seus comandados para linhas diferentes.

Aí com o tempo, as caduquices ficam mais entranhadas nestes, ficando muito difícil para eles terem força de se libertarem de suas crendices e mistificações.


73- Por que só uns poucos inicialmente pegaram na Cultura Racional?

Por causa da diferença entre os seres. E essa diferença nos levou a nos identificarmos com a Cultura Racional.

Agora, quando as coisas Racionais começarem aí não terá mais essas diferenças, porque acima das diferenças está o poder da energia Racional conduzindo todos para a Imunização Racional, porque todos somos de origem Racional. 

74-  As imagens ou desenhos de entidades de pretos velhos, caboclos, oguns guerreiros, etc... é a forma verdadeira destas entidades?

Não, de maneira nenhuma... Estas são as formas que eles mentem serem, é a mistificação grosseira destas entidades de chifre e de rabo do astral térreo, que sempre enganaram a humanidade porque foram feitos para isso, para lapidar a humanidade.

Então eles dizem ser um índio, um africano, ou um espírito de outro falecido qualquer, mas não são nada disso, isso é forma que eles tomam para serem bem recebidos e ludibriarem o animal Racional. E assim trazem essa mistificação até hoje, enganando todos que não estudam a Cultura Racional.


75- O Racional Superior fala que no Mundo Racional não tem vontade. Como pode ser isso?

Um dos erros de interpretação que a gente comete sobre o Mundo Racional é transferir para lá todos os elementos da deformação. Então vamos equivocadamente querendo entender o Mundo Racional com base na deformação, utilizando os valores, as leis, a moral, etc. do chão para entender e julgar o que não é formado pela deformação elétrica e magnética.

Veja que as bases e organizações do astral inferior são radicalmente diferentes das bases e organizações do chão, que dirá a base e a organização do Mundo Racional.

Então, para nos ajudar, para termos algo para nos apoiarmos, para atender nossos intelectos, inicialmente, ele apresenta o Mundo Racional com coisas da deformação, mas mais adiante ele vai mudando, até chegar ao ponto de fazer a total separação do que é deformado e do que é puro, limpo e perfeito.

Aí ele fala de vontade, da vontade dos habitantes do Mundo Racional e depois diz que no Mundo Racional não tem vontade, mas liberdade e assim vai explicando...

Cabe, então a nós estudantes estarmos abertos à progressividade dos ensinamentos Racionais, compreendendo a necessidade que o Racional teve de falar uma coisa e depois falar outra e fazer a correta interpretação.


76- A Cultura Racional veio para salvar o habitante do Mundo Racional que está materializado em forma de máquina do raciocínio?

Não, a Cultura Racional veio para salvar o animal Racional, dar vida Racional ao animal Racional, ligar o animal Racional ao seu verdadeiro mundo de origem. Mas para que isso aconteça o habitante do Mundo Racional tem que ser desmaterializado com a pessoa viva para que a pessoa possa ser ligada à energia Racional e, com isso, ingressar na eternidade.

O habitante do Mundo Racional já tem vida eterna, nós é que não temos nada, não somos nada. Por isso veio a Cultura Racional, para fazer do nada o tudo.


77- Nos livros fininhos alguns pontos ficam meio que confusos, por que disso?

Por que nos livros fininhos ele fala rapidamente de pontos já explicados nos livros anteriores e muda de um assunto para outro rapidamente, aí se a pessoa não estiver atenta, mistura as coisas por não separar os assuntos que são entremeados uns com os outros, isso sem falar que por vezes ele está ditando uma fala da natureza, ou uma fala do magnético e a pessoa entende que é a fala do Racional.

Então, tem que prestar atenção e separar os assuntos para uma boa e correta interpretação.


78- Por que depois de muitos anos com os livros nas mãos, alguns ainda não conseguem separar o habitante do Mundo Racional do animal Racional?

Por falta de estudo ou por terem cabeça dura...

São duas vidas em um corpo, uma vida eterna que é o habitante e a outra, uma vida passageira que na verdade nem vida é, é mais uma centelha que acende e apaga por a vida ser dependente do funcionamento dos órgãos materiais.

Um já possui vida eterna e o outro sendo ajudado por esse para se adquirir também uma vida eterna, porque se não fosse o habitante formar a máquina do raciocínio o animal nem na categoria Racional estaria, logo, não seria capaz de se ligar ao Mundo Racional e com isso, adquirir vida eterna. 

79- Por que em algumas passagens o Racional Superior sugere que a gente, mesmo não estando ligada, raciocina?

Porque ele está usando a palavra raciocinar no sentido de acertar e não no sentido de estar funcionando com a energia Racional.

Ele usa a palavra raciocinar nos dois sentidos, no sentido material e no sentido Racional. No sentido material que é agir de forma correta e no sentido Racional que é quando a glândula pineal passa a funcionar e toda a ação da pessoa é orientada direta pelo Racional Superior.

                                          

80- Já tem alguma pessoa que foi consagrada pelo Mundo Racional?

Não, consagrada Racionalmente é a mesma coisa da pessoa estar Imunizada Racionalmente. E hoje ainda não temos nenhuma pessoa que tenha sido Imunizada pelo Mundo Racional.


81- No Mundo Racional tem o bem e o amor que temos aqui?

De jeito nenhum, no Mundo Racional não tem essas deformações. Racional é puro, limpo e perfeito, portanto, não tem sentimento, porque sentimento é deformação, é da deformação.

Mas para que tenhamos um bom entendimento, para que as coisas inicialmente façam sentido para a gente se fala em sentimentos, em amor, amor Racional, mas depois a gente vai diferenciando deformação de perfeição e vai colocando cada coisa em seu lugar, o que é do encanto fica no encanto e o que é do desencanto é da nova cultura da humanidade, é Racional.


82- O que significa ou o que são divindades?

Divindades são deuses. Um termo muito usado nas religiões politeístas e trazido para a Cultura Racional, assim como outros termos, para dar entendimento aos iniciantes no aprendizado da Cultura Racional.


83- Por que alguns estudantes usam o termo divindades para se referir a alguns seres da deformação?

Porque foram condicionados por muito tempo a usar esse e outros termos, e como só conheciam a deformação, aplicavam a ela esse termo. E como ainda não se aprofundaram na Cultura Racional naturalmente misturam as coisas, trazendo para dentro da Cultura Racional suas conceituações ou definições magnéticas.


84- Mas a Cultura Racional também usa esse termo, não é?

Sim, mas colocando as coisas nos seus lugares. Mudando a conceituação para esclarecer Racionalmente, e logo depois não mais se referir às entidades ou "espíritos" da deformação como sendo deuses ou divindades. 

85- Poderia apresentar uma ou outra passagem para justificar suas respostas?

Ok, Nos livros básicos:

“As divindades aí do elétrico e magnético sempre conservaram os mistérios. As divindades nunca deram solução dos mistérios, porque são divindades criadas e inventadas pelo animal inconsciente. Então divindades que na realidade nunca existiram, existindo apenas na imaginação dos incautos, dos ingênuos, dos subdesenvolvidos e dos mais atrasados ainda.”


“E continua perguntando o infante: «Como poderá o mundo ser radicado e salvo pela consistência divina?» Digo Eu: somente pelo esclarecimento dado pela divindade, como são dados estes esclarecimentos pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL.”


Na réplica:

“Então, o comando deste mundo de matéria, vem da Supremacia Racional, que é a origem e na origem está o Poder dos Poderes, que são os Três Poderes unidos em um só e por isso, está aí, o Conhecimento da Divindade Suprema a tudo e a todos, o Conhecimento Racional.”


Nos históricos:

“Dentro da deformação não há divindades, porque está tudo fora do seu estado verdadeiro natural.”


“E de forma tudo isso, é uma deformação Racional e que não existem divindades, por tudo ser deformado em que cada qual, na sua classe.”


“E por isso, o sofrimento sempre se multiplicou.

Tudo por julgar, que na deformação existissem divindades.

Onde existe imperfeição, não existe divindade e até hoje, todos estão à espera do socorro das divindades.”


86- Mas tem passagem que o Racional se refere à natureza como sendo uma divindade, não é verdade?

Sim, cita isso uma ou duas vezes ao longo de todos os mil livros..., mas a natureza é realmente um deus ou uma divindade, mesmo que deformada, por ser a dona de todas as vidas nascidas na deformação. Então só a ela se aplicaria tal conceituação aqui na deformação.


87- Mas têm feitos da natureza poderosíssimos, entidades poderosíssimas, não é?

Sim, mas a Cultura Racional não as qualifica como divindades, é isso que estamos tentando explicar..... que na Cultura Racional o termo “divindade” é usado de forma diferenciada. 

88- Qual mal há em me referir as entidades da deformação como sendo divindades?

Mal nenhum, só não está de acordo com a Cultura Racional, e como somos estudantes da Cultura Racional, temos que ser coerentes com o que nos dedicamos, com o que estudamos, caso contrário a bagunça estará feita e daqui a pouco ninguém mais sabe o que é Cultura Racional ou o que não passa de balofestia das misturebas com as coisas do segundo milênio.


89- Qual a diferença entre as entidades do vácuo e as entidades da baixa atmosfera?

As entidades ou viventes do vácuo são os habitantes do Mundo Racional que se transformaram em habitantes do astral inferior, são seres de origem de cima, são seres superiores à deformação magnética.

E as entidades da baixa atmosfera são entidades magnéticas geradas no cinturão magnético pela transformação do animal Racional em sua descida para as classes inferiores.


90- Têm explicações que parece que o Racional mistura tudo, não é?

Mistura sim, e depois vai separando. Aí conforme vamos nos aprofundando no estudo, vamos separando as coisas; essas e muitas outras coisas foram necessárias serem misturadas, devido nosso inicial estado atrasadíssimo de compreensão da Cultura Racional.


91-  Para facilitar nosso entendimento é que ele repete tanto os assuntos?

Sim, se repetindo algumas pessoas não conseguem assimilar bem, que dirá se não houvesse repetição... aí ninguém seria capaz de entender a Cultura Racional tão cedo.


Agora observe bem: quando ele fala de uma coisa e mais adiante ele fala de novo.... veja bem... mais adiante vc já aprendeu novas coisas, adquiriu novas ou mais informações, aí quando vc chega naquela repetição, não é bem repetição, porque nesta “repetição” vc vai ver aquele ponto de forma nova, porque já adquiriu novos conhecimentos até ali, aí vai interpretar de forma nova o que está sendo repetido.

Mas se vc não prestou atenção, não estudou até chegar na “repetição”, aí estará realmente repetido, porque a mente é, infelizmente, a mesma quando viu aquele ponto citado pela primeira vez.

Mas se vc estudou, adquiriu novos conhecimentos ao longo da narrativa até chegar na “repetição”, aí é uma mente diferente que está interpretando e compreendendo aquele ponto “repetido”, porquanto, deixa de ser uma repetição.


92- Por que alguns leitores insistem em ficar falando em espiritismos como sendo parte da Cultura Racional?

Porque a Cultura Racional traz um histórico espírita. Ela nasceu numa tenda espírita. O Pai era o presidente desta tenda e mesmo depois de ter começado da ditar a Cultura Racional ele manteve os trabalhos da tenda, vindo daí a associação da Cultura Racional com o espiritismo, devido os pioneiros ainda estarem atrasados no estudo da Cultura Racional. 

93- Então a tenda espírita continuou a funcionar enquanto ele ditava?

Sim, continuou a funcionar, mas em caráter transitório... Porque tinha muitos médiuns na época ligada a TEFA; e por o conteúdo da Cultura Racional ser radicalmente contrária às bases espíritas que eram lá pregadas, o Pai tinha que ir devagar, preparando e ajustando as coisas para o povo poder ter algum entendimento, senão as coisas não iriam bem, as pessoas não iriam entender nada.


94- Como muitos não entenderam, não é?

Pois é, mas outros estavam assimilando bem, estavam entendendo razoavelmente bem, mas não conseguiram levar adiante o estudo Racional como deviam.... Mas as coisas Racionais não pararam... E o Pai ia levando tudo e todos em banho-maria, até que se mudou para o RR.


95- Aí ele começou a ditar a obra com mil livros?

Sim, nos anos 70 ele deu uma boa adiantada no ditado dos livros.


96- Aí já não tinha mais trabalhos espíritas.

Tinha sim, muito mais discretos em quantidades, mas tinha sim.  Foi um período de transformações


97- Então ele continuava a ditar a Cultura Racional e ao mesmo tempo dava seguimento  no conhecimento.

Em meados dos anos 80.

Nessa época ele estava terminando de ditar os livros históricos da série 200 e entrando na série 300.


98- Aí as pessoas iam chegando e encontrando a Cultura Racional toda “enfeitada”.

99- Mas foi um período legal, não foi?

Em época de festas a fila para chegar  no Retiro era como fila dupla.... rsrsrs...

Enquanto isso o Pai ia ditando...., já nos livros fininhos... 

Até que um dia ele ditou uma mensagem mais incisiva e mandou informar a todos que tomassem conhecimento dela, e lá estava a mensagem numa folha de ofício disponível na boutique no hotel.

Nesta mensagem ele implorava que a gente parasse com aquilo, com as salinhas porque aquilo não estava de acordo com a Cultura Racional, que aquilo estava contra a Cultura Racional.

Mas eram tempos difíceis, muito difíceis, e a bicharada invisível pegava pesado e muitos não conseguiam ficar com os livros nas mãos... Aí o Pai vendo aquilo, e ia negociando e deixando o barco correr para dar tempo para que as pessoas realmente se ilustrassem Racionalmente e conseguissem se libertar daquela prática do segundo milênio. Que já era para estarem bem ilustrados... Mas quase ninguém conseguiu atingir um mínimo de entendimento para separar as coisas.

Aí apesar das muitas insistências dele em nos mandar ler em bom e alto som lá na varanda, a gente ainda não tinha entendido nada, aí ele dizia: “leu e não entendeu.”

Até que chegou a hora da transformação do Pai, e ainda lá estávamos nós divulgando a Cultura Racional e a leitura, apesar de diária, não era lá bem seqüencial quando chegávamos nos históricos.


100- Então todo aquele espiritismo ou magnetismo era para dar tempo para a gente estudar e amadurecer no conhecimento e depois seguir adiante sem aquelas muletas do segundo milênio?

Sim, exatamente, para vc ver o que o Pai fazia para gente....

Mas hoje, em 2014, o que vemos? A continuidade daquele atraso e confusão espírita dos anos 80. Como se as cores da Cultura Racional ostentasse a prática de magnetismos ou espiritismos, como queiram. 

Até que os mais antigos no conhecimento foi passando aos mais novos e explicando a grande diferença entre os 2 polos.
Espiritismo é experiência. E não passa disso.

Cultura Racional é Conhecimento é outra posição.
É a verdade das verdades.
É a complementação como uma espécie de pós graduação ao seu desenvolvimento energético, crescimento de todas as formas e assuntos para você evoluir.

Continua na Próxima Postagem 


A CONTINUAÇÃO DESSES ESCLARECIMENTOS E DE OUTROS MAIS ESTÃO CONTIDOS NOS LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO.


ADQUIRA O PRIMEIRO VOLUME DA OBRA E COMECE A DESENVOLVER SEU RACIOCÍNIO E TER A PROTEÇÃO QUE VOCÊ PRECISA.


"NATURAL É TUDO AQUILO QUE PODE SER, SEM PREJUÍZO DE NINGUÉM.”


RACIOCINAR SEMPRE! PENSAR, NUNCA MAIS!


ESTE CONHECIMENTO É PARA TODOS! 

DIVULGUE, POIS TODOS PRECISAM SABER.


FONTE: Blog Cultura Racional 


Deixo Só Um Esclarecimento:

O Site é apenas uma ferramenta de divulgação, uma espécie de alerta da Fase Racional Universal que já mudou desde 1935.

Para que você desenvolva seu Raciocínio, precisa fazê-lo através da leitura dos Livros.

Caso deseje posso lhe doar um livro. O primeiro volume.

Me envie seu nome completo e seu endereço por E-mail que lhe envio Grátis

E você vai ver como seu livro pode chegar nas suas mãos.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

A GRAFICA PERTINHO DE VOCÊ

  UMA GRÁFICA DE TIRAR O CHAPÉU!! TUDO PERTINHO DE VOCÊ. ESCOLHA SEU SERVIÇO AQUI https://ninki.com.br/cards/ninki.html O QUE FAZEMOS: SERVI...