sexta-feira, 3 de novembro de 2023

MAIS SOBRE COMPUTADOR QUÂNTICO

 


COMPUTADOR QUÂNTICO ULTRAPASSA A MARCA DE  1000 QUBITS PELA PRIMEIRA VEZ 

Uma startup chamada Atom Computing anunciou o primeiro computador quântico a superar a marca de 1.000 qubits. O protótipo, previsto para estar disponível em 2024, supera o anúncio da IBM de sua nova plataforma de computação quântica esperada nas próximas semanas. 

O QUE VOCÊ PRECISA SABER:
Enquanto os computadores tradicionais armazenam e processam informações em estados binários — seja um ou zero — os computadores quânticos permitem que os dados existam em uma superposição de ambos os estados ao mesmo tempo.
Esses bits quânticos (qubits) oferecem a eles uma vantagem significativa em termos de potência de computação. 

Isto permite que eles resolvam problemas tradicionais muito mais rapidamente e até mesmo realizem tarefas que, de outra forma, seriam impossíveis.
Agora, a Atom Computing anunciou a plataforma de computação quântica mais avançada até o momento, com impressionantes 1.180 qubits.

Isso representa um salto significativo em relação ao computador quântico mais poderoso anterior — o Osprey da IBM, com 433 qubits.


O QUE É UM COMPUTADOR QUÂNTICO E COMO FUNCIONA ?

Como saber que está na hora de comprar um novo computador
Por que o computador fica lento quando aquece e o que é Thermal Throttling?
O computador quântico da Atom
No sistema da Atom, esses qubits são átomos de itérbio, com lasers mantendo-os em uma matriz e manipulando seus estados para armazenar e processar dados. A empresa afirma que o itérbio é o candidato ideal para o trabalho, uma vez que possui apenas dois níveis quânticos em seu estado de energia mais baixo, o que torna mais fácil de manipular e medir do que outros átomos.

A Atom alega que seu computador quântico se destaca em outros aspectos também. No início deste ano, a empresa demonstrou a medição no meio do circuito — onde o estado quântico dos qubits desejados pode ser sondado sem perturbar os qubits vizinhos.

O computador aparentemente possui tempos de coerência — uma medida de quanto tempo os qubits podem armazenar informações — de 40 segundos. Em comparação, o Osprey atinge cerca de 80 microssegundos.

Embora possa parecer que a Atom deixou outras empresas para trás, a corrida está mais acirrada do que se imagina. O roteiro plurianual da IBM sugere que a empresa anunciará seu próprio computador quântico ultrapassando a marca de 1.000 qubits nas próximas semanas, com o Condor, que executará 1.121 qubits.


A computação quântica é uma área que reúne grande diversidade de informações abrangendo a ciência da computação. 

Uma alta tecnologia, que pode realizar mudanças gigantescas, facilitando a solução de problemas no futuro, a computação quântica é uma área que reúne grande diversidade de informações abrangendo a ciência da computação. 

A computação quântica busca criar máquinas para serem capacitadas o suficiente para realizarem cálculos complexos de maneira mais eficiente do que os computadores tradicionais.

Atualmente, a computação tem como base o “bit”, que é um sistema que consegue assumir apenas uma informação: falso ou verdadeira (0 e 1). Esse processo acontece por meio da passagem da corrente elétrica por mecanismos semicondutores.

Por outro lado, os computadores quânticos utilizam como base os bits quânticos ou como também são conhecidos: qubits e assim fazem o processamento computacional.

COMPUTAÇÃO QUÂNTICA: COMO ELA FUNCIONA

Na computação quântica acontece o fenômeno chamado de superposição, que é quando um qubit pode existir em vários estados de maneira simultânea, fazendo então com que o computador tenha a capacidade de realizar diversos cálculos ao mesmo tempo. 

Outro processo essencial que acontece é o emaranhamento, no qual dois qubits se vinculam. Assim, o estado de um qubit depende do outro, fazendo com que cálculos que são consideráveis impossíveis de serem realizados por computadores tradicionais, possam ser solucionados por meio da tecnologia quântica.

Vantagens da computação quântica
Nessa tecnologia, os qubits levam vantagem se comparados aos bits convencionais, pois não são limitados somente aos estados 0 e 1. Os qubits conseguem suportar muitos estados ao mesmo tempo, se tornando mais capaz em seu processamento.

Isso pode facilitar e gerar ótimas soluções para problemas complexos, auxiliando na condução de trabalhos que atualmente parecem ser impossíveis de serem realizados.

A inovação também possibilita que a máquina realize processos com grandes conjuntos de dados, tornando a computação quântica ideal para a analise de sistemas complexos. Mais uma vantagem é a capacidade para a realização de cálculos paralelos, aumentando consideravelmente a velocidade de processamento de informações.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

TRANSCOMUNICAÇÃO INSTRUMENTAL

  TRANSCOMUNICAÇÃO INSTRUMENTAL: A JANELA COM O MUNDO DOS ESPIRITOS A transcomunicação instrumental ou TCI, é uma fascinante área de estudo ...